Jeff Bezos embolsou mais de R$ 16 bilhões nessa semana com venda de ações da Amazon

Por Redação/Glamurama/Anderson Antunes 09/11/2020 - 11:29 hs
Foto: Reprodução

Jeff Bezos terminou a semana com US$ 3 bilhões (R$ 16,6 bilhões) a mais em suas contas bancárias. Conforme faz de tempos em tempos, o homem mais rico do mundo vendeu entre as últimas segunda e terça-feiras cerca de um milhão de ações da Amazon a fim de levantar fundos para investir em seus outros negócios e também para bancar seus gastos pessoais que, claro, não são nada baixos.

Depois da venda, Bezos manteve 53,4 milhões papeis da gigante do e-commerce que fundou em 1994, o que traduzindo em cifras equivale a US$ 173 bilhões (R$ 955,6 bilhões) – ou 89% da fortuna de US$ 194 bilhões (R$ 1,07 trilhão) dele, sendo que a diferença vem de outras vendas de ações que ele fez no passado e de sua participação na empresa de aviação espacial Blue Origin.

A maior parte da bolada recém-embolsada por Bezos, aliás, deverá ir para a Blue Origin, a “menina dos olhos” dele, mas certamente sobrarão algumas centenas de milhões para o “The Washingon Post”, que o bilionário comprou em 2013 com a intenção de marcar presença também em Washington, a capital dos Estados Unidos.